Votação da reforma política é adiada para ampliar acordos

| 08/08/2017 21:10:06

A comissão especial da reforma política adiou para essa quarta-feira a votação do relatório do deputado Vicente Cândido, do PT.

 

A sessão foi adiada para que os partidos tenham mais tempo para debater e chegar a um acordo. Entre as propostas, está a criação de um Fundo Eleitoral, com dinheiro público para substituir a doação empresarial, proibida pelo Supremo. Estima-se que o fundo custe cerca de R$ 3,5  bilhões para 2018.