ZONA FECHADA

PM fecha cabaré em Alta Floresta e prende cinco mulheres

Jornalista Jonas Jozino | 11/09/2019 09:17:17

Logo depois foram presas.T.S., 26 anos, que também tinha dinheiro no bolso e se identificou como a proprietária do bar. A terceira mulher, identificada como, D.N.S., 25 anos, tinha um cigarro de maconha.

Uma casa de prostituição foi fechada pela Polícia Militar, na cidade de Alta Floresta. Cinco mulheres acabaram sendo detidas sob acusação de manterem outras mulheres. Além disso, a vistoria militar constatou que o imóvel apresentava condições sub-humanas e insalubres.

A Polícia Militar chegou ao local em atendimento a denúncia anônima e na casa prendeu primeiro J.S.C., 26 anos, que tinha em um de seus bolsos a quantia de R$ 3.307. Ela disse que parte do dinheiro seria do aluguel do bar, referente ao acordo comercial. A outra parte teria recebido do marido, que trabalha em um garimpo.

Logo depois foram presas.T.S., 26 anos, que também tinha dinheiro no bolso e se identificou como a proprietária do bar. A terceira mulher, identificada como, D.N.S., 25 anos, tinha um cigarro de maconha.

A quarta suspeita abordada, identificada como V.R.S.S., 42 anos, disse ser a gerente do bar. Ela afirmou não receber mulheres que usam drogas e alegou ter mandado embora uma no dia anterior. A quinta mulher, identificada como G.l.C., 18 anos, desacatou a equipe.

Todas foram encaminhadas à Delegacia de Polícia para as devidas providências.