FETICHE AO AR LIVRE

Parques públicos de Cuiabá estão se transformando em 'motéis particulares'

Os locais com maiores incidências em Cuiabá teriam sido o parque Zé bolo flô, localizado na região do Coxipó e o Parque tia Nair, localizado na região do Jardim Itália.

Maurício Cruvinel | 24 Horas News | 17/07/2017 10:47:38
Foto: Reprodução

Os parques que estão transformando a cidade e se tornando pontos de referência para a população, tem obtido a presença de um público nada apropriado para o local após o apagar das luzes ou encerrarem suas atividades do dia.

Os locais com maiores incidências em Cuiabá teriam sido o parque Zé bolo flô, localizado na região do Coxipó e o Parque tia Nair, localizado na região do Jardim Itália.

Segundo os vizinhos do parque Zé bolo flô, a situação se tornou costumeira, devido a falta de policiamento no local, o oque facilita e muito a vida das pessoas que ‘invadem’ o espaço para fazer sexo e praticar o uso de drogas.

Imagem relacionada

‘Eu moro a muito tempo aqui, antes mesmo do parque ser construído,  é muito bom ter um espaço como esse em frente de casa, mais oque estraga tudo isso são as pessoas que não a consciência que este lugar não é motel e nem mesmo boca de fumo’, desabafou uma moradora que preferiu não se identificar.

Em uma volta rápida pelo local é possível ver algumas trilhas informais e alguns preservativos usados pelas pessoas que ali frequentam de forma irregular.

No parque Tia Nair a situação é bem parecida, frequentadores assíduos do local, informaram que muita das vezes o parque nem se quer fechou ainda para o público e já possível ver casais se amassando de forma sensual na frente das outras pessoas.

Resultado de imagem para parque tia nair

‘É comum passarmos aqui pela avenida e volta e meia topar com alguns grupos de pessoas pulando a cerca do parque no meio da noite, e até mesmo de madrugada para fazer sabes oque lá dentro esse horário’, informou seu Horácio, morador de um condomínio situado na região do parque.

Outra frequentadora do parque confirmou a reportagem que na semana passada encontrou dois preservativos usados em cima do banco ao parar para descansar.

“Todo dia venho aqui me exercitar, semana passada fiquei chocada quando parei para me sentar em um dos bancos e logo de cara já avistei duas camisinhas usadas em cima do banco, poxa, quer fazer sexo, vai para um motel aqui não é lugar para esse tipo de ‘exercício’”, retrucou dona Mariana.

A falta de segurança nos parques é evidente, e não é comum avistar nenhum tipo de patrulhamento no interior dos locais.

FATOS CURIOSOS

Ao apurar os fatos para o fechamento dessa matéria, a reportagem foi surpreendida por algumas pessoas que anteriormente teriam ido para fazer piquenique no parque, e logo foram notificadas pelos seguranças do Parque Tia Nair que esse tipo de atividade seria imprópria por conta dos cuidados com as gramas.

Ao ser verificado a reclamação, foi constatada também em uma página de grupo do Facebook, algumas denúncias e reclamações sobre o mesmo ocorrido, de não poderem realizar piquenique no parque Tia Nair, a prática que é tão comum em outros parques do mundo inteiro.

Em contato com alguns seguranças da área de lazer, os mesmos disseram não ter conhecimento ou autorização para falar sobre o assunto abordado.


ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do 24 Horas News