UNIDAS NO CRIME

Mãe e filha são presas suspeitas vender na web instrumentos musicais furtados em igrejas

Jornalista Jonas Jozino | 06/11/2019 08:03:45

Segundo delegado, na casa das duas foram encontrados vários aparelhos levados de templos. Ele apura se elas integram um grupo especializado neste tipo de crime.

 

Duas mulheres - mãe e filha - foram presas suspeitas de revender, em sites de compras, instrumentos musicais furtados em igrejas em cidades goianas do Entorno do DF. Segundo a Polícia Civil, na casa de Andressa Andrade Ribeiro, de 35 anos, e Ana Carolina Andrade Cavalcante, de 19, em Valparaíso de Goiás, foram encontrados vários aparelhos.

A prisão ocorreu na segunda-feira (4). De acordo com o delegado Rafael Abrão, elas anunciavam os produtos, sempre em bom estado, a preços atrativos. Ele disse que elas não souberam explicar a origem dos instrumentos.

"Inicialmente elas tentaram se justificar dizendo que tinham comprado na feira, aqui em Novo Gama. Depois foram caindo em contradição e não souberam explicar de fato a origem desses equipamentos", explicou.


Abrão afirma que segue investigando o caso, pois suspeita que as duas integrem um grupo especializado de furtar igrejas na região e até em cidades do DF.

"Investigações vão prosseguir nesse sentido, para apurar a eventual atuação dessa quadrilha aqui na regional de Luziânia, bem como no DF", pontua.

Elas foram autuadas pelo crime de receptação qualificada.