INVERNO ARRASADOR

Inverno vai começar em Cuiabá com mínima de 10º, na terça-feira

Inpe prevê temperatura baixa, com mínima apresentando sensação de 8º

Jonas Jozino / Redação 24 Horas News | 18/06/2017 16:56:09

O inverno vai chegar a Cuiabá, na terça-feira (20) mostrando toda a sua força. Segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais – Inpe – a temperatura mínima deve ficar em 10 graus, com uma sensação térmica de apenas 8 graus devido aos fortes ventos que chegam baixando a temperatura da encalorada Cuiabá. A máxima não passa dos 22 graus.

O cuiabano deve ficar atento a queda da temperatura já a partir desta segunda-feira, quando os termômetros devem marcar a máxima em apenas 27 graus e a mínima em 15 graus. Segundo o Inpe, a mínima na quarta-feira será de 13º com sensação térmica de 11º a máxima chegando aos 28 graus.

A temperatura só volta a começar a subir na quinta-feira quando a previsão de mínima é de 17º e a máxima de 30º.

Segundo o Impe, a população cuiabana, acostumada a temperaturas mais quentes deve se prevenir para a intensidade do frio usando roupas bem quentes, como jaquetas, blusões e até toucas e aproveitando para esquentar o corpo com caldos e sopas.

CHAPADA DOS GUIMARÃES

O frio será ainda bem pior na bucólica cidade de Chapada dos Guimarães. A chegada do inverno já poderá ser sentida a partir desta segunda-feira quando a mínima deve registrar apenas 10 graus e a máxima não deve passar os 22 graus. Pior será na terça-feira, o Inpe prevê que a mínima será de 5º graus com a sensação térmica de 3º, podendo ter uma grande névoa úmida e até mesmo geada. A máxima deve ficar em 19º. Na quarta-feira mínima sobe muito pouco, indo a 11 graus e a máxima chegando aos 22 graus.

REGIÃO NORTE

O frio também promete atingir a região norte de Mato Grosso. Em Sinop, os termômetros devem apresentar mínima de 12 graus na terça-feira e 13 graus na quarta-feira. A temperatura só começa a subir na sexta-feira quando a mínima a ser registrada deve ser de 17º.


ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do 24 Horas News