TEMPORAL

Chuva forte na Grande Cuiabá arrasta veículos e atinge Shopping

Volume de água foi tão intenso que vários carros e motos foram arrastados e jogados no córrego.

Redação 24 Horas News | 10/11/2017 18:36:46
(Fotos:Divulgação)

Mais um temporal na região metropolitana de Cuiabá causou transtornos nesta tarde de sexta-feira (10), várias ruas de Cuiabá e Várzea Grande ficaram alagadas e causou prejuízos à população. Pessoas e carros ficaram ilhados, veículos foram arrastados devido a intensidade das chuvas e até um hospital ficou debaixo d’agua.

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, o volume de água foi tão intenso que vários carros e motos foram arrastados e jogados no córrego.

Em Cuiabá, a chuva foi tão forte que o forro da recepção do Hospital Júlio Muller, no bairro Consil, cedeu e alagou toda a entrada do local. Pelo menos, dois pontos do forro desabaram e o setor administrativo teve o serviço suspenso. Contudo, foi mantido o atendimento aos pacientes.

Além disso, pontos que tradicionalmente alagam, como a avenida da Prainha no centro de Cuiabá, também sofreram com a chuva. A Câmara de Vereadores também ficou alagada. A água invadiu os corredores da Casa de Leis e as salas localizadas no subsolo foram as mais atingidas.
A chuva e o vento forte provocaram estragos em Várzea Grande, houve alagamento no Terminal André Maggi, que ficou completamente inundado.

O térreo do Várzea Grande Shopping foi tomado pela água e lojas fecharam as portas.

As principais ruas e avenidas de Várzea Grande ficaram praticamente intransitáveis. Nas avenidas Filinto Muller e Artur Bernardes, carros ficaram submersos.

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, devido ao volume da chuva, carros e motos foram arrastados e jogados no córrego nas proximidades.

“ Não sabemos ainda quantos carros, mas a informação é de que é mais de um e motos também”, disse o tenente Barros.
Alguns dos bairros onde foram registrados estragos por causa dos fortes ventos e da chuva foram Santa Terezinha, Jardim Paula e Costa Verde.


ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do 24 Horas News