Justiça argentina pede prisão de irmão de Messi por porte ilegal de arma

Matías Messi sofreu acidente de barco e a polícia encontrou um revólver que não tinha registro e com inúmeras manchas de sangue

| 01/12/2017 14:45:02

A justiça da Argentina pediu a prisão de Matías Messi , irmão de Lionel Messi, por porte ilegal de arma após a polícia encontrar um revólver dentro de seu barco, informaram as autoridades locais nesta sexta-feira.

Leia também: Trio de arbitragem é brutalmente agredido por torcedores na Argentina

Irmão de Messi, Matías, pode ser preso após polícia encontrar uma arma sem registro em seu barco
Reprodução
Irmão de Messi, Matías, pode ser preso após polícia encontrar uma arma sem registro em seu barco

O irmão do atacante do Barcelona, de 35 anos, sofreu um acidente de lancha na tarde desta quinta e precisou ser hospitalizado. A arma foi localizada pela polícia dentro da embarcação minutos depois. De acordo com o procurador José Luis Caterina, o irmão de Messi será indiciado por posse ilegal de arma, já que o objeto não tem registro e continha inúmeras manchas de sangue.

No acidente, Matías sofreu fraturas no maxilar e cortou o rosto. Ele foi encaminhado para um hospital local, onde deve ser operado, explicou uma declaração da família divulgada pelo canal C5N . A colisão ocorreu próximo a cidade de Fighiera, na província de Santa Fe, noroeste de Buenos Aires. 

Leia também: Barcelona separa R$ 585 milhões por Philippe Coutinho e mira outro brasileiro

Esta não é a primeira polêmica em que Matías se envolve. Em 2015, o irmão do atacante da seleção argentina foi detido com uma pistola calibre 22, da qual também não tinha autorização. Matías é o irmão de Messi que mais atrai polêmicas. Além dele, existem ainda o Rodrigo e a Maria Sol. Os pais de Messi chamam Jorge Horacio e a mãe Celia Maria Cuccittini. O craque ainda tem dois sobrinhos: Mateo e Thiago Messi.


ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do 24 Horas News