Diretor de arbitragem da Fifa faz apelo e defende o uso do VAR

| 20/04/2018 14:00:02

Suíço Massimo Busacca é a favor do uso do árbitro assistente de vídeo e alega que recurso vai tornar vida profissional e pessoal mais justa

O uso do VAR, árbitro assistente de vídeo, gera controvérsias e polêmicas no futebol mundial. Enquanto muitos jogadores e torcedores são contra o uso do recurso, outras muitas pessoas defendem a utilização da tecnologia. Dentre aqueles que são a favor, está o diretor de arbitragem da Fifa, Massimo Busacca.

No cargo da entidade máxima do futebol por 15 anos, o suíço defende o uso do VAR e ainda dá exemplos de sofrimento por parte dos juizes. "Para entender o que é a vida de um árbitro, tente ser um uma vez", disse o Busacca, em entrevista à Reuters. "Tente, só para ver o que significa cometer um erro sério e ser assassinado pela mídia no dia seguinte. Só eu sei quantas horas passei olhando para o teto, sem dormir, por causa do meu erro... e sei que uma única decisão pode mudar sua vida".

"Um jogador pode ser muito ruim durante 89 minutos, aí ele marca um gol e de repente é um herói. Um árbitro pode ser o melhor do mundo durante 89 minutos, aí comete um erro e é assassinado", explicou o juiz suíço.

 


ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do 24 Horas News