Atleta de fisiculturismo luta para representar o DF no Sul-Americano

Amanda Gil | 18/08/2019 07:00:05

Thaís Maduro é de Patos de Minas, mas é federada pela IFBB-DF e criou vaquinha para arrecadar dinheiro para ir competir em Quito, no Equador

Arquivo pessoal

Entre os dias 5 e 8 de setembro acontecerá em Quito, no Equador, o Campeonato Sul-Americano de Fisiculturismo e a atleta Thaís Maduro irá representar o Brasil e Brasília na competição. Ela é a atual vice-campeã do Campeonato Brasileiro e garantiu a vaga na disputa continental, mas ela não tem patrocínio ou apoio financeiro e criou uma vaquinha para arrecadar o valor que precisa. Conheça a história de Thaís e contribua na vaquinha com a quantia que quiser a partir de R$ 25.

Thaís é mineira, nascida em Patos de Minas, mas mora na Capital há 12 anos e é federada pela Federação Brasiliense de Fisiculturismo e Musculação do Distrito Federal (IFBB-DF). Ela é fisiculturista há 3 anos e já conquistou 4 troféus de 7 que disputou: ficou duas vezes em 3º lugar, uma na Copa Body Classic Goiânia em 2016 e outra no Campeonato Brasiliense de 2017; em 2º no Brasileiro de 2019; e 1º lugar no Brasiliense de 2019.

Jornalista: Amanda Gil