"As chances de eu jogar a Copa do Mundo são altíssimas", admite Ibrahimovic

| 16/04/2018 09:00:02

Atacante de 36 anos de idade está no futebol dos Estados Unidos e já marcou três gols em três partidas disputadas

Pelo que tudo indica, Zlatan Ibrahimovic voltará à seleção da Suécia para disputa da Copa do Mundo de 2018 - lembrando que ele havia se aposentado do time nacional após a Eurocopa de 2016.

O atacante de  36 anos de idade usou sua conta oficial no Twitter para deixar um recado aos torcedores. "As chances de eu jogar a Copa do Mundo são altíssimas", disse Ibrahimovic na postagem.

A Suécia está no Grupo F do Mundial, ao lado de Alemanha, México e Coreia do Sul.

Ibra atualmente defende as cores do Los Angeles Galaxy, na MLS, e já fez três gols em três partidas disputadas. Logo na sua estreia, marcou duas vezes.

Proibição da Fifa

Ibrahimovic atualmente defende o Los Angeles Galaxy
Site oficial
Ibrahimovic atualmente defende o Los Angeles Galaxy

A ideia de Ibra em ir para Copa tem um entrave, já que o atleta possui um contrato publicitário com o BetHard, site de apostas. A questão é que o Código de Ética da Fifa proíbe que qualquer jogador profissional possua a ligação com empresas do ramo de apostas esportivas. Sendo assim, ele pode se ver fora da Copa de 2018.

Em entrevista ao portal EuroSport , o atacante deixou claro que a palavra final será dada por ele próprio. "A Fifa não pode me parar. Se eu quiser estar na Copa do Mundo, eu estarei. Se eu quiser jogar, eu jogarei. Não é uma decisão da Fifa. Trata-se unicamente da minha vontade de jogar", disse Ibra.

"Se tudo ficar com deve ser e eu sentir que eu posso fazer as coisas que sou fapaz e que quero, como sempre fiz, então podemos falar sobre isso. Mas não é onde estamos agora. Estamos em uma posição na qual eu estou feliz em poder jogar. Agora eu quero jogar futebol, então vamos jogar futebol. E quando jogarmos futebol, vamos ver se podemos jogar futebol na Copa do Mundo", completou Ibrahimovic .


ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do 24 Horas News