"Nasce Uma Estrela" triunfa no Oscar, mas Bradley Cooper é esnobado como diretor

IG Gente | 22/01/2019 12:10:04

“Nasce Uma Estrela” recebeu oito indicações, mas Bradley Cooper ficou fora de direção, diminuindo chances do longa ganhar como Melhor Filme

As indicações ao Oscar 2019 foram anunciadas na manhã nesta terça-feira, e “Nasce Uma Estrela” foi um dos líderes de indicações. O filme foi contemplado em oito categorias, entre técnicas e artísticas. Bradley Cooper se destacou e recebeu três indicações individuais por Melhor Filme (como produtor), Melhor Ator e Melhor Roteiro Adaptado.

O artista, porém, não conseguiu entrar em uma das principais categorias, e a que pode ser decisiva para as chances do filme na premiação: Melhor Diretor. Surpreendentemente, Bradley Cooper ficou de fora, e apesar do triunfo do longa, pode atrapalhar o resultado final.

Isso porque, historicamente, todos os filmes vencedores na categoria principal têm seus diretores contemplados também. Na história da premiação, apenas quatro filmes que ganharam não tiveram o diretor em sua respectiva categoria.

O exemplo mais recente é Bem Affleck, que ganhou por “Argo” e teve seus atores indicados, mas não conseguiu entrar na lista. Na primeira edição do evento, em 1929, “Asas” foi o vencedor sem uma indicação para William E. Wellman. Em 1932 a mesma coisa aconteceu com “Grand Hotel”, dirigido por Edmund Goulding. Por fim, Bruce Beresford também não foi indicado quando “Conduzindo Miss Daisy” ganhou em 1990.

Isso não significa que não seja possível que “Nasce Uma Estrela” ganhe a principal categoria no Oscar, mas torna o resultado mais difícil. Ainda assim, é curioso que Cooper seja esnobado, quando três atores do filme, ele, Lady Gaga e Sam Elliott, foram indicados por sua atuação.

O filme foi ainda incluso em Melhor Fotografia, Mixagem de Som e Canção Original por Shallow. Portanto, além de torcer por seu filme, Bradley Cooper ainda deve se apresentar ao lado de Gaga na premiação que acontece dia 24 de fevereiro.

Fonte: IG Gente