Astros reagem nas redes sociais após indicações ao Oscar 2019

IG Gente | 22/01/2019 19:20:03

Bradley Cooper, Richard E. Grant e outros famosos utilizaram seus perfis das redes sociais para reagir às suas respectivas indicações ao Oscar 2019

Os indicados ao Oscar 2019 foram revelados nesta terça-feira (22). Nas redes sociais, vários astros de Hollywood que fazem parte dessa lista restrita compartilharam suas reações após a descoberta de suas respectivas indicações.

 

A cerimônia do Oscar 2019, que está marcada para o dia 24 de fevereiro deste ano, causou um verdadeiro reboliço nas redes sociais depois de revelar os indicados aos prêmios. Os próprios integrantes dessa lista se manifestaram.

Bradley Cooper, por exemplo, dirigiu e atuou no filme "Nasce Uma Estrela", e foi indicado ao Oscar como Melhor Ator. No Twitter, Bradley Cooper escreveu: “Todos que trabalharam neste filme realmente se arriscaram na esperança de que as pessoas se conectem e sintam algo profundo e pessoal - a maneira como os filmes me fazem sentir desde que eu era criança. Estar aqui hoje em um lugar onde pessoas que viram o filme estão falando sobre como isso as faz sentir, algo profundo, é gratificante”.

Outro indicado ao prêmio de Melhor Ator foi Rami Malek, por "Bohemian Rhapsody", onde viveu o astro Freddie Mercury. "Obrigado à Academia por reconhecer o trabalho de tantos do elenco e da equipe que tornaram tudo isso possível. Eu realmente apreciei interpretar Freddie Mercury e estou profundamente emocionado em homenageá-lo dessa maneira", Rami Malek escreveu em seu Twitter.

Letitia Wright, atriz do filme "Pantera Negra", que além de indicado ao prêmio de Melhor Filme obteve outras seis indicações, usou as redes sociais para se manifestar: "Obrigado a todos pelo amor e apoio. Honestamente, fizemos esse filme por amor e queríamos inspirar o mundo com ele". 

Indicado ao prêmio de Melhor Ator Coadjuvante por seu papel em "Vice", Sam Rockwell reagiu: "Estou verdadeiramente honrado em ser reconhecido pela Academia novamente este ano. 'Vice' é um filme especial e importante, e estou muito feliz por Adam, Christian, Amy e Hank, bem como por todo o elenco e equipe".

Yalitza Aparicio, indicada à categoria de Melhor Atriz por "Roma", escreveu em seu perfil: “Desde a primeira chamada de elenco até esta manhã, minha jornada de 'Roma' tem sido extraordinária. Como filha de uma empregada doméstica e de uma mulher indígena, tenho orgulho de que este filme ajudará aqueles que se sentem invisíveis a serem vistos. Sou eternamente grata à Academia por reconhecer ‘Roma’ e tenho a honra de fazer parte da visão de Alfonso."

Indicado a Melhor Ator Coadjuvante por "Poderia Me Perdoar", Richard E. Grant reagiu: “Para um menino que cresceu na Suazilândia, o menor país do hemisfério sul, tornar-se ator parecia um sonho impossível, quanto mais ser nomeado para um Oscar. Estou levitando com esta notícia surpreendente. Obrigado por esta nomeação”.

 

Lupita Nyong'o, do elenco de "Pantera Negra", comemorou as sete indicações do filme compartilhando um vídeo da Comic Con de San Diego, onde o elenco tinha uma reação positiva diante das primeiras imagens do filme: "Sete indicações para 'Pantera Negra', incluindo melhor fotografia! Esta é a nossa reação a primeira vez que vimos imagens do filme e estamos nos sentindo assim novamente hoje".

Indicada ao prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante por sua atuação no filme "Roma", Marina de Tavira escreveu: "Obrigada por esta honra de tirar o fôlego. É inacreditável ver meu nome entre essas mulheres incrivelmente talentosas". 

Indicado como Melhor Diretor pelo filme "Vice", Adam Mckay também demonstrou entusiasmo: “Meus sinceros agradecimentos à Academia por reconhecer nosso incrível elenco e equipe, que trabalhou tão incansavelmente nesse filme que abrange cinco décadas. Estou apenas emocionado, perplexo e empolgado! ”

O cineasta por trás do filme "Guerra Fria", indicado ao prêmio de Melhor Diretor, também reagiu nas redes sociais: “É uma honra incrível ser incluído em meio a esse grupo de cineastas, e sou muito grato à Academia. Compartilhar esse filme muito pessoal com o mundo no ano passado foi uma jornada inesquecível. Eu não poderia ter feito isso sem as minhas produtoras Tanya Seghatchian e Ewa Puszczyńska, minha estrela luminosa Joanna Kulig, bem como o apoio da Amazon Studios, que trouxe este filme para os Estados Unidos. E um parabéns especial a Łukasz Żal, cuja iluminação brilhante deu vida ao filme. ”

 

Os co-diretores do documentário esportivo "Free Solo" manifestaram a felicidade de concorrer ao Oscar 2019 na categoria de Melhor Documentário: "“Somos gratos por este reconhecimento e por estar na companhia desses cineastas extraordinários durante um ano tão incrível".

Fonte: IG Gente