A vida passa pela janela

 

A vida é formada de ciclos e os momentos necessariamente vão passando, portas se fecham e se abrem, capítulos vão terminando, e a vida vai passando pela janela e vemos pessoas seguindo para lugar nenhum, por isso devemos deixar no passado os momentos da vida que não nos trazem prazer e que já findou.


Não se vive no presente e no passado ao mesmo tempo, essas amarras serão quebradas assim que passamos entender, que na vida há um longo caminho a seguir, por isso, devemos evoluir sempre e desprendendo dos nós que nos travam a tudo que é passageiro, o importante é deixar ir embora tudo aquilo que nunca nos pertenceu.


Existem muitas pessoas sofrendo sem dor, simplesmente porque não desistem das recordações, e por isso criam resistência em mudar de casa, ficam relendo um único livro, ouvindo as mesmas músicas com mensagens saudosistas e o pior, segue na esperança de reconquistar um amor que nunca existiu ou que há muito tempo já se acabou.


Pessoas apegadas no passado são péssimas doadoras e porque não sabem desfaz de certas lembranças, porque com certeza não aprenderam a abrir espaços para que o inédito tome conta da sua vida, são muito rigorosas com futuro e amável com o passado, não deixando que a liberdade da livre escolha, assuma um lugar nos seus projetos e objetivos.


Tudo aquilo que lhe prendia ao passado deve ser substituído por novas possibilidades e o que não é mais seu, libere e deixe ir embora, e dê um salto para as novas descobertas, pois a vida é apenas um lapso temporal, se insistirmos em viver alimentando o passado, fatalmente perderá a alegria de novas conquistas. Um momento não substitui o outro, não espere que vida devolva algo que você perdeu, não espere que as pessoas reconheçam seu esforço, que descubram que você é um gênio ou que alguém está na fila de espera, aguardando infinitamente o seu amor.


Antes de começar uma nova história temos que terminar a anterior, virar as páginas e seguir adiante sem olhar para trás, não queira entender a lógica da vida durante o seu sofrimento, não fique parado esperando explicações pelas despedidas ou por uma relação que terminou, ou por uma amizade que desapareceu, ou por um amor que parecia ser infinito, mas acabou.


A cada evolução provoca mudanças, e essas mudanças provocam transformações dentro de nós, para aqueles que não desistem nunca, a realização do sonho passa a ser apenas um detalhe evolutivo em suas vidas, porque somos um pouco de tudo, tudo que vamos escolhendo ao longo dos estágios da vida.


Ao comprometermos com algo infinitamente superior as nossas forças, a possibilidade de desistência é enorme, mas é importante adotar o prazer pela realização, antes que as renúncias tomem conta das nossas vontades.


Wilson Carlos Fuáh – É Especialista em Administração Financeirae Recursos Humanos
Fale com o Autor: wilsonfua@gmail.com


Mais de Wilson Carlos Fuá